Vale a pena comprar um celular parcelado no boleto? Confira

Comprar um celular novo é um desejo que muitos têm, porém, nem sempre é possível desembolsar o valor à vista. Diante dessa realidade, a opção de adquirir um smartphone parcelado no boleto tem se tornado atrativa para muitos consumidores. No entanto, antes de optar por essa alternativa, é fundamental entender os prós e contras envolvidos.

No mercado, existem duas principais formas de comprar um celular parcelado no boleto: por meio do crediário em lojas ou utilizando serviços de financeiras especializadas.

Papeis e uma calculadora em uma mesa preta
Imagem: Brenda Rocha – Blossom / shutterstock.com

Quais são as vantagens e desvantagens de pagar com o boleto?

Entre as vantagens, destacam-se a não afetação do limite do cartão de crédito, a possibilidade de parcelar em mais vezes, adquirir um aparelho de maior qualidade, antecipar um desejo e preservar o limite para situações emergenciais.

Por outro lado, é crucial estar ciente das desvantagens, como os juros elevados, a disponibilidade limitada de financeiras que oferecem essa modalidade e o preço final, que pode ser maior do que o valor de mercado do aparelho.

Afinal, vale a pena comprar pelo boleto?

Embora essas alternativas possam viabilizar a aquisição do tão desejado aparelho, é importante estar ciente de que ambas implicam em juros, o que eleva o custo final do dispositivo em comparação ao pagamento à vista ou ao parcelamento sem juros no cartão.

Uma das diferenças cruciais entre o pagamento via boleto e o cartão de crédito é a segurança oferecida aos vendedores. No caso do cartão, as empresas contam com o suporte das instituições emissoras em caso de inadimplência, o que não ocorre no pagamento via boleto.

Veja também:

Estas séries são tão boas que, mesmo após serem canceladas, foram salvas pelos fãs; confira lista

Quais são as minhas opções de pagamento?

Algumas empresas que oferecem opções de parcelamento via boleto incluem: Parcelex, VirtusPay, BoletoFlex e o serviço de Mercado Crédito, uma iniciativa do Mercado Livre. O Parcelex e o VirtusPay permitem parcelar via boleto ou Pix, com análise de crédito e aplicação de juros.

O BoletoFlex destaca-se pela rapidez, permitindo o parcelamento em poucos minutos com base na análise de crédito, sem surpresas em taxas. O Mercado Crédito, por sua vez, é uma opção que disponibiliza o parcelamento em até 12 vezes no boleto após uma ativação gratuita.

Por fim, a compra presencial em grandes lojas que oferecem o crediário também é uma alternativa para quem busca comprar um celular parcelado no boleto. Contudo, é importante lembrar que essa modalidade também está sujeita à análise de crédito e à incidência de juros.

Imagem: Mr.Mikla/ shutterstock.com

Relacionadas