Retrospectiva NETFLIX 2017 e suas Polêmicas – confira todas elas e surpreenda-se!

 

Que 2017 não foi um ano chato não temos dúvidas, tivemos de cancelamentos na NETFLIX que partiram nossos corações, até o lançamento de séries que vieram como quem não quer nada e arrasaram. Então queremos dar a você nosso leitor uma retrospectiva com o que tivemos de melhor durante no ano de 2017, e as suas polêmicas.

Leia também:

Game of Thrones é a série mais pirateada de 2017 – confira as 10 mais

NETFLIX e suas Polêmicas de 2017

Sense8

Se há algo que a NETFLIX faz muito bem é nos comover – em todos os sentidos – com seu conteúdo original, então convenhamos que esse ano foi um que ela abalou muita gente!

Começando por Sense8 uma das séries mais esperadas pelo fãs estreou sua segunda temporada em Maio de 2017, mexendo com milhares de pessoas e alcançando uma nota de 8.4 no IMDB, porém como tudo que é bom dura pouco, causou uma grande revolta ao ser anunciado pela NETFLIX o seu cancelamento.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Stranger Things

Pra quem gosta de mistério tivemos a estreia da segunda temporada das crianças mais fofas do NETFLIX os pequenos do Stranger Things novamente a série arrasa, com um temática dos 80 nossos pequenos aventureiros se envolvem em mais uma aventura para ajudar um amigo e crescerem, com isso é impossível não se envolver com a série e as crianças, de repente você se vê com como um daqueles pequenos apaixonados e ao mesmo tempo leais aos seus amigos, por isso fica muito claro entender como essa série fez sucesso, um das coisas que os fãs devem ter percebido e adorado foi uma participação mais do que especial do nosso queridinho Sean Astin, isso mesmo o Sam de Senhor dos Anéis, teve uma participação muito especial na série e deixou sua marca como Bob na segunda temporada.

 

13 Reasons Why

Nem só de séries felizes é feito o Netflix, uma das mais polêmicas e que mais bombou no NETFLIX foi 13 Reasons Why, a série baseada no best-seller de Jay Asher conta a historia de Hanna e o que a levou a cometer seu suicídio. Narrado pela própria menina a série é muito comovente e nos levar a refletir sobre nosso comportamento na sociedade e nossas atitudes, porém acredito que a empresa junto dos produtores pesou um pouco a mão quando mostra a cena de suicídio da menina(não é spoiler, a menina está contando sobre seu suicídio, então você sabe que ela vai morrer), acho que de todas as séries e todos os episódios que assisti no ano, esse é o mais pesado.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

House Of Cards

A série que mais se destacava no NETFLIX e que fazia seus clientes voltarem todo ano perdeu seu rumo. House Of Cards estava voando alto até sua 5 temporada, mas a troca de produtos fez com que a série se perdesse. A 5 temporada continua com o casal Underwood unido e forte, mas ao mesmo tempo sem aquela estratégia fantástica, que te leva a loucura porque você não acredita que eles usam esses caminhos para conseguir o poder e resolver seus problemas.

Mindhunter

A surpresa do ano foi Mindhunter, a série conta a historia de dois agentes do FBI entrevistando serial killers a fim de pesquisar e entender a mente dos assassinos, só com essa sinopse já dá para ter uma ideia de como a série é interessante. Outra curiosidade da série é o fato de ter alguns episódios dirigidos por David Fincher, conhecido por filmes como o Clube da Luta e o recente Garota Exemplar.


Apaixonado por Tecnologia, Telecomunicação e Finanças. Atua como Product Owner no mercado de Telecomunicação com grande foco em inovação na prestação de serviços ao consumidor.