Bolsa Família de agosto começa a ser pago amanhã (18/08); veja quem recebe o benefício

O programa Bolsa Família, essencial no auxílio a famílias em situação de vulnerabilidade, traz mais uma vez seu calendário de pagamentos para o mês de agosto. Com datas estabelecidas de acordo com o dígito final do NIS de cada beneficiário, o programa visa oferecer suporte financeiro a milhões de famílias em todo o país.

A partir de sexta-feira (18) até o dia 31, os repasses serão ativados, seguindo um cronograma escalonado que busca eficiência na distribuição dos recursos. Além disso, o Bolsa Família engloba uma variedade de benefícios que abrangem diferentes situações e necessidades das famílias, com mudanças recentes nos critérios de elegibilidade que ampliam seu alcance.

Cronograma atualizado de pagamentos do Bolsa Família

O calendário de pagamentos do Bolsa Família para o mês de agosto foi divulgado, trazendo as datas específicas em que os benefícios serão disponibilizados aos beneficiários. Os repasses ocorrerão a partir do dia 18 até o dia 31, seguindo a organização do NIS, que é o Número de Identificação Social de cada beneficiário. Essa distribuição escalonada visa garantir uma operação mais eficiente e direcionada.

Os dados de pagamento para agosto estão definidos de acordo com o último dígito do NIS de cada família. A partir do dia 18, aqueles com NIS final 1 já terão acesso aos seus benefícios. Esse sistema escalonado permite uma gestão mais precisa e ordenada dos recursos, beneficiando milhões de famílias em todo o país.

Ao fundo, notas de cem e cinquenta reais desfocadas. Em primeiro plano, mão segurando celular com o aplicativo do bolsa família aberto
Crédito editorial: Adao / Shutterstock.com

Benefícios do bolsa família e requisitos

O Bolsa Família engloba seis benefícios distintos, cada um atendendo a diferentes situações dos beneficiários. Entre eles estão o Benefício de Renda de Cidadania, o Benefício Complementar, o Benefício Primeira Infância, o Benefício Variável Familiar, o Benefício Variável Familiar Nutriz e o Benefício Extraordinário de Transição.

Para ser elegível ao Bolsa Família, as famílias precisam cumprir requisitos específicos, que abrangem áreas como saúde e educação. A frequência escolar de crianças e adolescentes, o acompanhamento pré-natal para gestantes, o monitoramento nutricional das crianças até sete anos e a adesão ao calendário de vacinação são critérios essenciais para o recebimento do benefício.

Imagem: rafapress / Shutterstock.com

Relacionadas