Atenção: seu WhatsApp irá mudar drasticamente

Nos próximos meses, os usuários do WhatsApp podem esperar uma mudança drástica na forma como se comunicam digitalmente. Isso ocorrerá devido à necessidade de cumprir a nova Lei de Mercados Digitais (DMA) da União Europeia (UE), que impõe uma série de regulamentações às grandes empresas de tecnologia para garantir a competição justa e a transparência.

Recentemente, a Meta, a empresa-mãe do aplicativo, foi classificada como uma dessas grandes empresas, tornando-se obrigatória a adaptação às novas regras da UE. Neste contexto, exploraremos em detalhes as mudanças em desenvolvimento no WhatsApp e seu impacto na forma como nos comunicamos online.

Veja também:

Usuários do Spotify podem ganhar acesso a novo conteúdo exclusivo e GRÁTIS; saiba mais

Mensagens multiplataforma no WhatsApp

O WhatsApp, um dos aplicativos de mensagens mais populares do mundo, passa por mudanças significativas que afetarão a forma como os usuários se comunicam. A plataforma está desenvolvendo suporte para a interoperabilidade entre aplicativos de mensagens, uma novidade que foi descoberta recentemente na versão beta do aplicativo para Android.

whatsapp figurinhas
Imagem: Melnikov Dmitriy / Shutterstock.com

O recurso em questão, identificado como “bate-papos de terceiros”, aponta para a possibilidade de que, em um futuro próximo, os usuários do app da Meta possam se comunicar com pessoas que usam outros serviços de mensagens, quebrando as barreiras das plataformas isoladas.

Mudanças por conta da DMA

Essa inovação no app mensageiro está sendo impulsionada pela nova Lei de Mercados Digitais (DMA) da União Europeia (UE). A DMA estabelece uma série de regras destinadas a garantir a livre concorrência e promover a transparência nas operações de grandes empresas de tecnologia. Assim, recentemente, a Meta, empresa-mãe do WhatsApp, foi classificada como uma dessas grandes empresas sujeitas às regulamentações da UE.

Uma das principais exigências do DMA é a interoperabilidade entre aplicativos de mensagens. Portanto, isso significa que empresas de tecnologia, como o WhatsApp, devem permitir que seus usuários se comuniquem com pessoas que utilizam diferentes serviços de mensagens.

Imagem: Temitiman / shutterstock.com

Relacionadas